Jardins, parques e bosques em Paris

Paris conta com mais de 450 parques e jardins e tem 2.200 hectares de espaços verdes abertos ao público.

Com aproximadamente 450 espaços verdes, Paris é uma cidade onde passear é muito bom. Ao redor dos cais do Sena (no centro de Paris), à beira do canal Saint-Martin (10°) e dos passeios que unem a Opéra Bastille à Place Daumesnil (12°), eis outros lugares para fazer belos passeios.

JARDIM DAS TULHERIAS

Jardin des Tuileries, fleurs et vue sur le Louvre, Paris © Fotolia - Tanya

Projetado por André Le Nôtre, é frequentado por parisienses e turistas, para uma caminhada ou um passeio cultural. Pode-se admirar esculturas de Maillol, Rodin ou Giacometti e relaxar à beira das fontes. De junho a agosto, um parque de diversões atrai quem gosta de carrosséis, sensações fortes e algodão doce.
1°. Metrô Concorde, Tuileries.

JARDIM DE LUXEMBURGO

Jardin du Luxembourg, Paris © OTCP - David Lefranc

Criado para a rainha Maria de Médicis, é uma mistura de jardim em estilo francês e inglês. Cerca de cem esculturas estão espalhadas pelo parque. Há também várias atividades e brinquedos para crianças: teatro de marionetes, carrosséis, escorregadores, entre outros. Para admirar a fachada do palácio Luxemburgo, sede do Senado, instale-se em uma das famosas cadeiras de ferro em torno do grande lago.
6°. RER B Luxembourg.

JARDIM DA ACLIMATAÇÃO

Jardin d'Acclimatation, grand volière, Paris © Frédéric Grimaud

Projetado em 1860, este espaço oferece grandes jardins, eventos culturais e um parque de atrações que seduz crianças e adultos há várias gerações. E mais: uma volta de trenzinho, passeios de pônei, carrosséis, um teatro de Guignol (marionetes) ou ainda passeios de barco em meio a uma natureza preservada. Lanchonetes e restaurantes completam o conjunto.
Bois de Boulogne (16°). Metrô Les Sablons. Tel.: +33 (0) 1 40 67 90 85.
Aberta todos os dias. Jardim/entrada: 3,50 €. Atrações: 2,90 € o bilhete.
www.jardindacclimatation.fr

PARQUE BUTTES-CHAUMONT

Parc des Buttes Chaumont, couple, Paris © OTCP - David Lefranc

Este parque situa-se em uma colina. O relevo acidentado proporciona uma bela vista da capital, sobretudo do bairro de Montmartre. As grutas e cascatas, a ponte suspensa, o lago artificial e a construção inspirada no Temple de la Sybille, no alto de um belvedere, dão um charme especial a este espaço. O bar guinguette Rosa Bonheur garante um clima de festa, muito apreciado por parisienses.
19°. Metrô Buttes-Chaumont.

PARQUE LA VILLETTE

Parc de la Villette, au bord du canal de l'Ourcq, Paris © Marie-Sophie Leturcq

O maior parque cultural urbano da capital mistura natureza e arquitetura moderna, áreas de lazer para crianças e adultos, centros culturais e salas de espetáculo. Perfeito para passear à beira do canal de l’Ourcq, aproveitar as muitas áreas verdes espalhadas pelo espaço, além de lagos e fontes. Durante o ano todo há eventos culturais de primeira linha, como o festival Cinéma en plein air (Cinema ao ar livre), organizado no verão.
Av. Jean Jaurès, 211 (19°). Metrô Porte de Pantin. Tel.: +33 (0) 1 40 03 75 75. www.lavillette.com

PARQUE FLORAL DE PARIS

Parc floral de Paris, Paris Jazz Festival, jardin botanique de la Ville de Paris, Vincennes © Maëlle Henaff / Mairie de Paris

Situado ao lado do castelo de Vincennes, este parque tem relevo acidentado e é frequentado por quem gosta de caminhadas ou aprecia botânica. As crianças podem brincar em vários parquinhos e no minigolfe de 18 buracos. Durante o verão, várias manifestações tomam conta do espaço, como o Paris Jazz Festival, o Pestacles, o Festival Classique au Vert, etc.
Esplanade du château de Vincennes (12°). Metrô Château de Vincennes. Tel.: 39 75 (0,05 €/min).
Aberta todos os dias. Gratuito de novembro a abril. De maio a outubro/entrada inteira: 2,50 €.
www.paris.fr

PARQUE GEORGES BRASSENS

Parc Georges Brassens, musique dans le kiosque, Paris © G. Maroussie

Ponto de encontro para um passeio aprazível, entre colinas, um riacho, a ponte e o belvedere, além de um vinhedo e das colmeias. As crianças adoram o balanço, os pôneis, e o teatro de marionetes. Nos finais de semana, uma grande feira de livros antigos e de sebos ocupa o mercado coberto.
Place Jacques Marette, 2 (15°). Metrô Convention.

PARQUE ANDRÉ CITRÖEN

Montgolfière, Parc André Citroën, Paris

Espaço verde de Paris com vista para o Sena, este parque oferece uma belíssima perspectiva do rio. É dividido em três partes temáticas, onde o visitante descobre árvores exóticas e plantas raras, duas estufas monumentais e muitas outras surpresas, como o Balão Generali, que oferece uma balada a 150 metros de altura!
Rue Cauchy, 2 (15°). Metrô Javel – André Citroën.

PARQUE MONTSOURIS

Parc Montsouris, Paris © OTCP - Marc Bertrand

Construído no reino de Napoleão III e inaugurado em 1869, o parque Montsouris tem um lago, belas esculturas, árvores frondosas e um restaurante. Pode-se observar ainda várias espécies de pássaros. Situado em frente à Cidade Universitária, é um dos lugares preferidos pelos estudantes para um passeio tranquilo. Durante o verão, o coreto é palco de concertos gratuitos.
Rue Gazan, 2 (14°). RER B Cité Universitaire.

BOIS DE BOULOGNE

Paris, Bois de Boulogne, Lac inférieur © OTCP - Amélie Dupont

Este imenso parque situado na região oeste de Paris reúne o parque de Bagatelle, o jardim das estufas de Auteuil, o Jardim da Aclimatação, os hipódromos de Auteuil e Longchamp e a Fundação Louis Vuitton. O bosque tem vias especiais para caminhada e passeios a cavalo, além de ciclovias turísticas. Também há parquinhos para crianças, áreas de piquenique, aluguel de bicicleta e de barcos.
16°. Metrô Porte Maillot.

BOIS DE VINCENNES

Running au bois de Vincennes © OTCP - Marc Bertrand

O segundo “pulmão verde” da capital tem incontáveis áreas de lazer, para relaxar ou praticar esportes. Enquanto alguns visitantes escolhem um passeio de barco no lago Daumesnil, outros preferem apostar no hipódromo. Este bosque é muito apreciado pelos amantes da natureza, por conta da sua grande biodiversidade.
12°. Metrô Porte Dorée.

E TAMBÉM...

Jardin Atlantique (15°): Metrô Montparnasse-Bienvenüe. Uma área verde contemporânea por cima da estação.
Jardins d’Éole (18°): Metrô Stalingrad. Jardins ecológicos.
Jardin des Plantes (5°): Metrô Jussieu. Abriga a Grande Galerie de l´Évolution, estufas e um zoológico.
Jardin des serres d’Auteuil (16°): Metrô Porte Maillot + ônibus 244. Coleção de orquídeas (entre outras) em um jardim à francesa.
Jardin du Palais-Royal (1°): Metrô Palais-Royal – Musée du Louvre. Rodeado de arcos, é um importante ponto histórico do século XIX. 
Parc de Bagatelle (16°): Metrô Porte Maillot + ônibus 244. Magnífico roseiral aberto a visitação.
Parc de Belleville (20°): Metrô Couronnes. Familiar. Belíssima vista da capital.
Parc de Bercy (12°): Metrô Cour Saint-Émilion. Antigos depósitos vinícolas reformados.
Parc du Champ-de-Mars (7°): RER C Champ-de-Mars. Elegantes gramados ao pé da torre Eiffel.
Parc Monceau (8°): Metrô Monceau. Ambiente clássico e de fim de século com decorações em rocha.