Maio e junho : Paris, capital de todos os paladares

Eventos de arte e cultura culinária atraem gourmets do mundo inteiro.

Paris é para se degustar! Em maio e junho, os amantes da boa comida se reúnem na capital francesa para uma série de eventos dedicados à gastronomia. E mais, a programação da cidade já tem um gostinho de verão.

Com os primeiros raios de sol, a temperatura mais clemente convida para eventos ao ar livre. Dentre os mais célebres, estão o torneio de tênis de Roland-Garros, a Noite europeia dos museus e a Festa da Música. Há eventos para todos os gostos!

GASTRONOMIA

Taste of Paris - les chefs

Nesta estação, a gastronomia ganha a cidade! Em maio, o evento Les Heures Heureuses convida para um percurso de degustação onde mais de 280 restaurantes propõem pequenas tapas por somente 2 €. Ideal para conjugar o prazer das papilas à descoberta dos bairros parisienses!

Outro evento imperdível é o salão gastronômico Taste of Paris, que ocupa a grande nave do Grand Palais de 18 a 21 de maio. No cardápio: degustações, encontros com grandes chefes, animações culinárias e muito mais.

EXPOSIÇÕES

Derain, Balthus, Giacometti - Balthus, Les Beaux Jours© Hirshhorn Museum and Sculpture Garden, Smithsonian Institution, Washington, DC, Gift of the Joseph H. Hirshhorn Foundation, 1966. Photography by Lee Stalsworth

Nesta época, uma nova série de exposições abre as portas para o público. 
Fim de maio, no museu do Quai Branly – Jacques Chirac, direção Nova Zelândia. A mostra Pierre sacrée des Maoris segue a pista do jade. Reputada por suas virtudes mágicas, esta pedra está intimamente ligada à cultura do povo Maori.

Começo de junho é a vez de Derain, Balthus, Giacometti, no musée d’Art moderne de la Ville de Paris (a partir do dia 2). A exposição explora a amizade e a cumplicidade artística entre os três mestres da arte do século 20, através de 200 quadros.

Em seguida, em meados de junho, o museu d’Orsay propõe a descoberta de Portraits de Cézanne. Mundialmente renomado por suas paisagens, Paul Cézanne também explorou a arte dos retratos com maestria. Esta parte menos conhecida de sua obra será revelada ao público a partir de 13 de junho.

Pouco tempo depois, o Centro Pompidou homenageia David Hockney, pintor inglês original e eclético, com uma mostra que reúne 160 obras, entre telas, fotomontagens, vídeos e pinturas em iPad.

Fotografia e design também estão no programa. Em junho, o museu Jeu de Paume inaugura duas exposições : uma consagrada ao holandês Ed Van der Elsken, fotógrafo documentarista dos anos 50, e outra dedicada à obra do artista tunisiano contemporâneo Ismaïl Bahri.

ESPORTES

Hockey sur glace match international © Fotolia

Em maio, vai ter esporte! A 81a edição do Campeonato mundial de hóquei no gelo começa dia 5. Serão 64 partidas, algumas no AccorHotels Arena, onde 16 países se enfrentarão para suceder o Canadá, atual campeão.

Para terminar o mês por cima, encontro dia 27 no Stade de France, para a final da Coupe de France de futebol 2017.

Em seguida, de 22 de maio a 11 de junho, o saibro de Roland Garros recebe os maiores tenistas do mundo, na Porte d’Auteuil.

Ainda em cartaz: os lendários vinte e três obstáculos do Grand Steeple-Chase de Paris, dias 20 e 21 de maio, no Hipódromo de Auteuil, e o Prix du Jockey Club (4 de junho), além do elegantíssimo Prix de Diane Longines (18 de junho), no Hipódromo de Chantilly.

FESTAS E FESTIVAIS

Nuit européenne des musées - Chateau de Fontainebleau - Porté par le vent © DR

Tudo começa com a Nuit européenne des musées, dia 20 de maio. Descubra a capital por um outro ângulo, através de animações noturnas excepcionais organizadas em mais de cem museus da região Île-de-France.

Outro grande evento é a Festa da Música, dia 21 de junho, que celebra em fanfarra a volta do verão. Além de grandes concertos gratuitos organizados em lugares míticos da capital, quem quiser pode tocar seu instrumento preferido no espaço público. Neste dia, que é o mais longo do ano, as ruas de Paris entram no ritmo e os passantes viram melômanos !

Quem gosta de verde poderá descobrir o patrimônio natural da cidade de 2 a 4 de junho, por ocasião do Rendez-vous aux Jardins.


Weather festival © DR

Em maio e junho, os festivais de referência entram em cena. Muitos acontecem ao ar livre, aproveite! 
De 23 a 28 de maio, Villette Sonique, o festival que descobre novos talentos, festeja sua 12a edição no parque La Villette. Em seguida, é a vez do bucólico e engajado We Love Green, no bois de Vincennes
Em junho, o Weather Festival também está de volta: trata-se do grande evento parisiense de música eletrônica.
Você prefere rock? Importado da Inglaterra, o Download Festival lança uma segunda edição em Brétigny-sur-Orge entre os dias 9 e 11 junho.

Solidays, outro festival mítico, se instala no hipódromo de Longchamp, no final do mês. No menu, uma programação eclética, que vai do rock ao pop, passando pela música eletrônica.

Quem curte jazz não pode perder dois eventos especiais: na rive gauche, à margem esquerda do rio, o Festival Jazz à Saint-Germain-des-Prés, de 11 a 22 de maio. Em junho (a confirmar), a volta do Paris Jazz Festival, no Parque floral.

Em meados de maio, a festa invade as margens do canal Saint-Martin e imediações, para o Printemps des Rues, que propõe inúmeros espetáculos gratuitos: teatro, música, marionetes, circo, dança etc.

Em junho outros festivais também desabrocham na capital e região Île-de-France: Onze Bouge (11e arrondissement), LaPlage de Glazart (19e arrondissement), Mini Opéra Côté Cour, no Bercy Village (12e arrondissement), Et 20 l'été (20e arrondissement), La Défense Jazz festival...

O começo de junho também marca o retorno do Pestacles, do Parque floral de Paris, no bois de Vincennes. No programa, uma grande escolha para o público infantil: concertos, espetáculos, circo e muito mais.
E para um passeio em família, não perca a Fête foraine des Tuileries no fim de junho, que reúne cerca de 60 atrações em pleno coração de Paris.

FEIRAS E SALÕES

Os aficionados por design costumam frequentar o D’Days, de 2 a 14 de maio. Durante doze dias, vários lugares da capital exploram o design através de exposições, ateliês ou reuniões.

Outro ponto alto da primavera é a bienal internacional das profissões de arte e de criação Révélations, organizada alternadamente com o evento Monumenta, no Grand Palais. Este ano, mais de 400 criadores apresentam seus trabalhos ao público entre 3 e 8 de maio.


Salon international de l-aeronautique et de l-espace vue du ciel © DR

No Parque de exposições de Paris – Le Bourget, descubra o céu do futuro, no Salão internacional da aeronáutica e do espaço (SIAE). Após os dias reservados para os profissionais, o primeiro salão aeroespacial do mundo abre suas portas para o público, de 23 a 25 de junho. O visitante pode observar os mais recentes modelos de aeronaves, além de ficar por dentro das inovações tecnológicas do setor e admirar espetáculos de acrobacia aérea.

E TAMBÉM...

Ópera

Affiche Tous à l'opéra © DR

Graças à operação Tous à l’opéra, cuja 11a edição será realizada dias 6 e 7 de maio, o universo lírico lhe estende os braços. Todas as apresentações são gratuitas naquele final de semana, nos inúmeros locais que participam da operação.
De junho a setembro, Opéra en plein air, ópera ao ar livre, leva a obra lírica do repertório clássico para lugares excepcionais do patrimônio francês, enquanto o Palais Garnier, apresenta La Cenerentola, de Rossini, a partir de 10 de junho.

Cinema

De 25 a 28 de junho, é a hora e a vez da sétima arte. Para completar sua cultura cinematográfica, não perca a Fête du Cinema, com sessões a somente 4 €.

Compras

Quer fazer bons negócios? A liquidação de verão começa dia 28 de junho. Os descontos podem chegar a 70 % durante seis semanas. Não pode sobrar nada!